Aquariofilia --- Mundo dos Aquários
Seja Bem Vindo
Ao fórum Mundo dos Aquários

Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.


Se ainda não é membro registe-se agora.

Últimos assuntos
» Lago Plantado do Daniel Ribeiro (fotos e vídeos)
por Daniel Ribeiro Seg Dez 28, 2015 10:12 am

» (ATENÇÃO)Recrutamento de Admin e Mod.
por LuisBarroso Sab Dez 19, 2015 3:23 am

» Minha Apresentação
por Maria Fernanda Qui Dez 17, 2015 8:06 pm

» SÁBADO DIA 19 PORTAS ABERTAS EHEIM COM DESCONTOS ATÉ 50%
por paulo vieira Ter Dez 15, 2015 11:15 pm

» Aquário de Polypterus
por MarcosRafael Seg Dez 07, 2015 8:56 pm

» LINHA DE AQUÁRIOS COM MÓVEL PAULO VIEIRA AQUARIOS
por paulo vieira Qua Out 21, 2015 9:32 pm

» Aquário novo - AJUDA - Pontos brancos no vidro e larvas
por Manuel Rodrigues Seg Out 05, 2015 11:23 pm

» Mudar Layout
por Manuel Rodrigues Qua Set 23, 2015 1:21 pm

» CO2 Líguido, alguem ja usou?
por Bruno Gomes Qua Set 02, 2015 4:41 pm

» Sanguessugas
por Bruno Gomes Seg Ago 31, 2015 4:42 pm

Contribuição

Parecerias







Vida de Aquarista
Procurar

    Mundo dos Aquarios

    Pesquisa questões já colocadas por outros membros, poderás obter respostas mais rapidamente

    Resultados por:


Votação

Como tiveram conhecimento deste fórum?

33% 33% [ 17 ]
8% 8% [ 4 ]
22% 22% [ 11 ]
8% 8% [ 4 ]
14% 14% [ 7 ]
8% 8% [ 4 ]
8% 8% [ 4 ]

Total dos votos : 51


Musgos - Verdadeira Identidade das Espécies

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Musgos - Verdadeira Identidade das Espécies

Mensagem por Manuel Rodrigues em Dom Dez 11, 2011 3:44 am

Desde já é importante salientar que a identificação de musgos sofreu uma enorme transformação desde que se conhecia apenas uma espécie de musgo - Musgo de Java ( em nome comum). Botanistas a nível mundial têm vindo a descobrir novas espécies de musgo com bastante frequência, estando ainda muitos por identificar correctamente. E quando se diz identificar não é somente atribuir um nome científico; é estudar a estrutura da planta, quer macroscópica quer microscopicamente, imerso ou emerso.

Comecemos pelo tão conhecido Musgo de Java. Este musgo desde sempre que é conhecido como pertencente ao género Vesicularia e como tal deu-se-lhe o nome científico Vesicularia dubyana. No entanto, à muito que o Professor Botanista Zen Iwatsuki estudou e identificou este musgo como Taxiphyllum barbieri. Apesar disto, lojas de aquariofilia em todo o mundo e aquariófilos continuam a vender e a identificar o Musgo de Java como sendo Vesicularia dubyana. Portanto, muitos de vós que têm Musgo de Java nos aquários têm sim Taxiphyllum barbieri. De todos os musgos, este é o mais fácil de manter, suportando até temperaturas de 30ºC.

Outro musgo recentemente introduzido no nosso mercado é o Christmas Moss de nome científico Vesicularia montagnei. Este sim, pertence ao género Vesicularia e ganhou o nome comum de Christmas devido à forma como as suas ramas crescem, abatidas e sobrepostas, com a forma de uma árvore de Natal. É uma planta muito usada para paredes de musgo.

Mais um musgo que ganhou popularidade entre os aquariófilos é o Erect Moss ou Vesicularia reticulata. Tem um padrão de crescimento muito peculiar pois contraria a gravidade e cresce verticalmente para cima. É mais um musgo do género Vesicularia.

O Singapore Moss, outra espécie de musgo, é na realidade o verdadeiro Vesicularia dubyana e tem sido vendido como Mini Moss erradamente pelas lojas e fornecedores. É muito parecido com o Christmas Moss, tendo o primeiro ramas mais pequenas e mais salientes. Tem também um padrão de crescimente diferente do Christmas Moss, crescendo em camadas e fazendo muito volume.

Mini Moss é um musgo fantasma. Simplesmente não existe! Ao lhe atribuírem a identificação comum de Mini, estão apenas a chamar-lhe um nome diferente e bonito ( tudo o que é mini em plantas de aquário tem uma conotação agradável) para ser comercializado. É uma questão de marketing.

Taiwan Moss é outra espécie de musgo de nome científico Taxiphyllum alternans. Tem uma forma muito parecida com o Christmas mas as suas ramas são mais equiláteras e é mais suave ao toque. A coloração também é ligeiramente diferente.

Weeping Moss ou Vesicularia ferriei é para mim um dos musgos mais bonitos. A sua cor clara e a textura macia, combinados com o típico crescimento para baixo dão uma aparência que se encontra em forma terrestre e apenas molhado. Dá um efeito espectacular em troncos altos, de modo a poder-se apreciar a sua forma de crescimento peculiar e a massa densa que forma com o tempo.

Outros musgos mais recentes que se têm vindo a comercializar são o Fissidens spp. em que spp. quer dizer espécies, tal como o FIssidens fontanus, Fissidens nobilis , etc. Mais musgos do género Taxiplhyllum como o Spiky Moss e o Peacock Moss têm vindo a aparecer nos aquários plantados.

Todos estes musgos podem ser vistos neste site:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Tem fotos bem como a descrição dos musgos.

Aqui fica um artigo muito interessante que desvenda a errada identificação do Musgo de Java e que permite esclarecer melhor o que fui escrito acima.


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
Manuel Rodrigues
Administrador Fundador

Mensagens : 924
Data de inscrição : 05/12/2011
Idade : 27
Localização : Viana do Castelo

http://mundodosaquarios.forumfacil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum